Saúde de olho nos focos da Dengue

Denúncias sobre possíveis focos de dengue podem ser feitas pelo canal da ouvidoria através do telefone: 156.

23/02/2021 15H45

Foto: Secom

A Secretaria Municipal de Saúde, através do Departamento de Vigilância em Saúde – Divisão de Vigilância Ambiental, segue com o trabalho de levantamento de focos do Aedes aegypt em Guarapuava.

 

O trabalho entra no segundo ciclo e segue até 12 de março. O método considerado muito eficiente é rápido e  simplificado,oferecendo indicadores do inseto e permite conhecer a distribuição do vetor Aedes aegypti.

 

O primeiro Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa), foi realizado no período de 04/01/2021 a 15/01/2021. Nesse ciclo, 2.354 imóveis foram inspecionados com 4 focos encontrados com larvas do Aedes  aegypti. Até agora, mais  26 focos com larvas do Aedes foram detectados.

 

Devido à pandemia do coronavírus, a Vigilância em Saúde Ambiental não está realizando visita intra-domicilio, obedecendo as recomendações de distanciamento. O isolamento social tem dificultado o ingresso ao interior dos imóveis.

 

Por isso é importante que cada morador cuide do seu quintal retirando objetos que possam acumular água parada e, se apresentar sintomas da enfermidade, buscar a unidade de saúde mais próxima.

 

Medidas Preventivas

 

O trabalho de rotina dos agentes é visitar domicílios, eliminar focos e remover reservatórios. A população deve ser consciente e contribuir evitando água parada, tampando tambores, poços, cisternas e reservatórios e colocando areia fina na borda dos recipientes com plantas.

 

O atual período de calor e de chuva, é favorável à reprodução do Aedes aegypti.

Denúncias sobre possíveis focos de dengue podem ser feitas pelo canal da ouvidoria através do telefone: 156.