Guarapuavanos se unem para fabricar EPIs para profissionais da saúde

Em Guarapuava uma ação vai resultar em mais segurança aos profissionais da saúde, que atuam na linha de frente no atendimento às vítimas.

25/03/2020 11H37

Foto: Secom/Prefeitura de Guarapuava

Uma ação conjunta pode transformar o mundo. E em tempos de pandemia do Covid-19, aqui em Guarapuava uma ação vai resultar em mais segurança aos profissionais da saúde, que atuam na linha de frente no atendimento às vítimas. Uma ideia que já começou e, ao final, resultará em aproximadamente 200 máscaras em 3D, específicas para evitar a contaminação com as gotículas de saliva e o rosto dos profissionais. “São atitudes como essa que mostram que a união de todos, em diferentes áreas, pode transformar a realidade onde vivemos. Juntar tecnologia e saúde é fundamental nesse momento, em que temos dificuldade para comprar EPIs (Equipamentos de Proteção Individual), por conta da alta procura”, explicou o prefeito Cesar Silvestri Filho.

A união começou com o Núcleo de Tecnologia e Inovação da Acig e o Fórum de Ciência, Tecnologia e Inovação e que, junto com a Prefeitura, está recrutando todas as pessoas que tenham impressoras 3D na cidade para imprimir mais máscaras. “Essas máscaras que estamos fabricando foram testadas pelo Hospital São Vicente e estão liberadas pela própria Anvisa”, afirmou Rui Primak, coordenador do NTI.

Já são universidades, faculdades, escolas, profissionais autônomos, etc. que estão contribuindo com as impressões. “Estávamos com algumas ações isoladas entre os grupos, e começamos a notar que poderíamos trabalhar melhor juntos. Começamos com três impressoras e em menos de 24 horas já estamos com 18. Hoje mesmo já começaremos a entregar as máscaras”, completou Primak.

Se você tem uma impressora 3D em casa e também quer ajudar é possível. Basta entrar em contato pelo telefone (42) 9833-4142 (Andy Troc).

Os equipamentos serão entregues para os hospitais São Vicente, Santa Tereza e também ao município, para uso nas UBS (Unidades Básicas de Saúde), Unidades de Pronto Atendimento (UPA Batel e Primavera) e no Cisgap.