Beto Richa dá exemplos de políticas públicas em defesa do idoso

sexta-feira, 5 de outubro de 2018

imagem

Na última segunda-feira (1º de outubro) foi comemorado o Dia Internacional da Pessoa Idosa. Em todo o mundo, os idosos são a parcela da população que mais cresce. No Paraná 9,2% dos homens e mulheres paranaenses têm mais de 60 anos. Até 2040, essa quantidade vai chegar a 20%.

No Paraná, os direitos desta população foram assegurados durante a gestão de Beto Richa como governador. "De 2011 a abril de 2018 diversas medidas programas foram implantadas para assegurar mais respeito e dignidade para estes homens e mulheres que ajudam a construir o nosso Paraná", disse Richa.

O lançamento do Plano Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, em 2014, direcionou as políticas públicas de acordo com o Estatuto do Idoso e ajudou a fortalecer o atendimento específico para os idosos no Paraná. "Respeitar a pessoa idosa é incluí-la na vida em sociedade e promover os seus direitos de forma integral. É dever do poder público garantir que essa população, que tanto já contribuiu com a sociedade, possa continuar compartilhando suas experiências com outras gerações".
 
Entre as ações estão o fortalecimento da rede de atendimento, o combate às violências e violações de direitos, o fomento à criação de planos, conselhos e fundos municipais dos diretos da pessoa idosa. Há, ainda, programas e serviços específicos para a população idosa, criados e aperfeiçoados em diversas políticas públicas estaduais como assistência social, saúde, educação, esporte e lazer.

AVANÇOS – Os investimentos no atendimento a pessoas idosas em situação de risco e vulnerabilidade social chegou a quase R$ 70 milhões. O valor foi aplicado em benefícios como o luz fraterna, o Renda Família Paranaense, serviços de saúde e acolhimento institucional.

"Segundo a Fundação Getúlio Vargas, hoje o Paraná tem cinco cidades entre as 50 melhores para envelhecer no Brasil: Cianorte, Francisco Beltrão, Marechal Cândido Rondon, Pato Branco e União da Vitória", afirma Richa.

Outro avanço importante é que, pela primeira vez no Paraná, foram destinados recursos específicos para financiar projetos voltados à promoção e defesa de direitos da pessoa idosa. Foram R$ 11 milhões liberados para os municípios.

SAÚDE - Na área da saúde, foi criada a Rede de Atenção Integral à Saúde do Idoso, uma estratégia inovadora na saúde e um modelo de atendimento específico para idosos, lançada em 2017.

O Paraná garantiu mais qualidade de vida a milhares de pessoas por meio do Mutirão Paranaense de Cirurgias Eletivas. Com 66 mil procedimentos oferecidos, a fila de espera foi reduzida em áreas como ortopedia, ginecologia, cirurgias de catarata, hérnia e vasculares. "O Paraná é o único estado que aplica recursos próprios para cirurgias eletivas. Com o Mutirão, o investimento foi de R$ 60 milhões e nos tornamos um dos estados que mais realiza este tipo de procedimento", diz Richa.

A gestão de Richa também melhorou o atendimento a pacientes hipertensos e diabéticos nas Unidades Básicas de Saúde e nos Centros de Especialidades e foi ampliado o fornecimento de próteses e tratamentos dentários e de lentes e óculos para pessoas idosas.

INCLUSÃO - Para promover a inclusão, foram promovidas atividades culturais, esportivas e palestras. Cursos como o de inclusão digital, realizado pela Celepar, e o ensino do uso de smartphones exclusivos para a pessoa idosa ensinam como lidar com as novas tecnologias.

No programa Viver a Vida, da Paraná Previdência, aposentados e pensionistas participam de diversas atividades de cultura, lazer, esporte e turismo. Também foram entregues 743 Academias ao Ar Livre entregues a diversos municípios.

OPORTUNIDADE - As Agências do Trabalhador colocaram cerca de 4 mil pessoas idosas no mercado de trabalho. "Para aqueles que ainda não desistiram do sonho da casa própria, o programa Família Paranaense reservou 3% das moradias do seu projeto de habitação exclusivamente para quem passou dos 60 anos".

RECURSOS - Em 2015, Richa decretou que todas as empresas estatais do PR destinassem 1% do valor de devido do Imposto de Renda ao Fundo Estadual dos Direitos do Idoso e também para o FIA. Esta medida reforçou o saldo de recursos exclusivos para a política da pessoa idosa.

Em 2017, foi lançado um sistema inédito de financiamento, que facilita o repasse de recursos estaduais na modalidade Fundo a Fundo para atender pessoa idosa.

DATA – No Brasil, o Dia do Idoso é comemorado em função da promulgação do Estatuto do Idoso, que aconteceu em 01 de outubro de 2003.

« Crianças da Escola Maack participam de atividade sobre alimentação saudável

Ibope: Ratinho Júnior 57%, Cida Borghetti 18% e João Arruda 12% dos votos válidos »

Deixe seu comentário:

Nome

E-Mail

Comentários