Projeto Samuzinho atende mais uma escola em Guarapuava

sexta-feira, 26 de outubro de 2018

samuzinho (20)

Em mais uma ação do Projeto Samuzinho, a equipe do Samu de Guarapuava visitou a Escola Municipal Abílio Fabriciano de Oliveira, na tarde desta quinta-feira (25). Fruto da parceria das secretarias de Educação e Cultura e de Saúde, desde 2013, o projeto informa as crianças sobre os problemas causados pelo alto número de trotes e a seriedade do trabalho do Samu. “No primeiro ano, capacitamos cerca de 300 crianças. Aumentamos gradativamente e, em 2018, já são 1.000, atuando em cinco escolas, sendo quatro municipais e uma particular”, disse o coordenador do Núcleo de Educação Permanente do Samu, Franco Nero Cunha Bittencourt.

Os socorristas mostraram a UTI móvel e o veículo de primeiros socorros. Em seguida, ocorreu uma palestra sobre os cuidados que se deve ter com uma vítima enquanto o serviço de atendimento móvel de urgência não chega. Por fim, uma demonstração de como é feito o serviço dos enfermeiros quando encontram alguém ferido. “Primeiro tem a formação dos professores e funcionários com relação aos primeiros socorros e orientação em relação aos trotes. Depois a formação com alunos de quarto e quinto ano”, afirmou a assessora pedagógica da Secretaria de Educação, Vera Lúcia Iastremski Niczay.

De modo lúdico e com muita animação, as crianças aprenderam lições que vão levar para o resto da vida. “Eu nunca tinha entrado em uma ambulância. Eu não sabia como funcionava por dentro. Pra mim, só tinha a maca pra imobilizar a pessoa, mas na verdade é uma UTI móvel e serve para salvar muitas vidas”, disse o estudante do 5º ano, Victor Nascimento.

« Secretaria de Educação abre inscrição para consulta pública de seleção dos diretores das escolas municipais

Um livro por um café: cafeteria curitibana promove ação especial para o Dia Nacional do Livro »

Deixe seu comentário:

Nome

E-Mail

Comentários

Blogueiro Responsável:
Jacir Queirós

 
 

Receber Informativos

Facebook

Busca